Manter vivas as tradições

Chegou o outono e com ele chegaram as tradições que há que recordar e preservar.

No passado dia 31 de outubro foi dia de celebrar o Santorinho (Pão por Deus). As crianças do pré-escolar saíram à rua para pedir o tradicional Santorinho. Começaram por visitar o Mercado Municipal da cidade e algumas ruas, captando a atenção dos comerciantes e de quem por ali passava. Todos davam os parabéns por mantermos vivas as tradições portuguesas. As crianças da creche ficaram a celebrar a tradição dentro da Instituição, percorrendo os vários espaços, levando e recebendo miminhos e docinhos.

No dia 13 de novembro celebrámos o São Martinho: dia para realizar o nosso Magusto com as crianças e famílias que se juntaram a nós. De manhã, mais direcionado para as crianças, fez-se um teatro de fantoches contando a história da “Maria das Castanhas”.  Houve música e muita castanha assada. Depois de dançar, saltar e comer castanhas, como é da tradição, as crianças foram para casa felizes de cara enfarruscada.

Tradição é também a celebração eucarística mensal e, no dia 14, recomeçámos o dia com a missa animada pelas crianças e presidida pelo Padre Nuno Folgado. 

Ainda neste dia, às 11h14 a Terra tremeu e na nossa Creche e Pré-escolar simularam-se as ações a concretizar em caso de sismo: BAIXAR, PROTEGER e ESPERAR.